O Comitê para Democratização da Informática de Santa Catarina (CDI-SC) inicia no dia 3 de fevereiro, pelo terceiro ano seguido, o Projeto Fênix, que promove curso de manutenção e montagem de computadores para jovens de comunidades em situação de risco social da Grande Florianópolis.

Esta será a primeira de dez turmas que terão aulas ministradas pela ONG ao longo de 2014, cada uma delas com dez alunos. As aulas serão ministradas na Ação Social São José e Santa Rita, no Bairro Jardim Atlântico.

O Projeto Fênix foi um dos 130 projetos selecionados em 2012 na seleção pública de projetos para patrocínio da Petrobras, por meio do programa Petrobras Desenvolvimento & Cidadania. Serão 80 horas de aulas, de segunda à sexta, das 14 às 18 h. Os alunos recebem vale-transporte e um auxílio financeiro para compra de equipamento técnico aofinal do curso.

Além das partes práticas referentes a manutenção de computadores, serão abordados os temas cidadania, empreendedorismo e mercado de trabalho. O projeto tem caráter itinerante e será oferecido também nos bairros Cachoeira do Bom Jesus (norte da Ilha) e Morro das Pedras (sul) em suas próximas edições.

Ao todo, 138 alunos já foram certificados pela ONG durantes os anos de 2012 e 2013 e, com o patrocínio da Petrobras, serão atendidos mais 200 alunos. As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo telefone (48) 3322-2020.

Sobre o CDI

A ONG Comitê para Democratização da Informática (CDI) é uma iniciativa brasileira que nasceu na comunidade do Morro Dona Marta, no Botafogo, no Rio de Janeiro, e já mudou a realidade de 1,8 milhão de pessoas em 13 países e um total de 780 espaços de informática e cidadania, os CDI Comunidade.

Há 18 anos, o CDI usa a tecnologia como ferramenta para enfrentar a pobreza e estimular o empreendedorismo e a cidadania. Sua missão é transformar vidas e fortalecer comunidades em situação de exclusão social, através do uso das tecnologias da informação e comunicação.