Os resultados do Inventário Florístico Florestal de Santa Catarina (IFFSC) foram reunidos em 5 volumes e serão lançados às 15hs do dia 15 de outubro, na Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina, em Florianópolis.

As publicações trazem as conclusões de um trabalho inédito, que levou quase 5 anos, e reúnem informações sobre o estado de conservação das florestas catarinenses, baseadas num levantamento detalhado em 590 pontos amostrais distribuídas sistematicamente em todo território catarinense.

O IFFSC foi coordenado pela FURB (Fundação Universidade Regional de Blumenau), por meio dos Departamentos de Engenharia Florestal e de Ciências Naturais. Resulta de  parceria com a UFSC (Universidade Federal de Santa Catarina) e a Epagri (Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina), e envolveu 165 pessoas, entre professores, servidores, alunos, bolsistas e técnicos contratados.

O levantamento foi quase totalmente financiado pela Fapesc (Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina), que também bancou a produção dos 5 livros a serem lançados em sessão ordinária da Alesc. Somando os recursos para a pesquisa e sua divulgação, o total se aproxima dos R$5 milhões, um dos maiores volumes aplicado num só projeto pela Fapesc.

No dia 15 também serão apresentados aos deputados as diretrizes para uma Nova Política Florestal, elaboradas com base nos resultados do IFFSC, por uma grupo de trabalho instituído pelo Consema (Conselho Estadual de Meio Ambiente).

Mais informações sobre o IFFSC: www.iff.sc.gov.br

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Fapesc